Taça do Mundo de Lucerna: Coelho/Mendes 17º em LM2x e Mendes 14º em LM1x

Para os representantes nacionais a participação nesta terceira ronda da Taça do Mundo arrancou ontem de manhã (sexta-feira) com a disputa das eliminatórias de LM1x, onde competiu Nuno Mendes, e também as eliminatórias do LM2x, onde alinharam Nuno Coelho e Pedro Fraga.

No primeiro momento competitivo dos remadores nacionais Nuno Mendes concluiu a sua eliminatória na 4ª posição, resultado que o remeteu para a Repescagem, disputada nessa mesma tarde. Pouco depois foi a vez de Nuno Coelho e Pedro Fraga remarem no Double Scull e alcançarem a 3ª posição atrás da Noruega e Irlanda. Um resultado que lhes permitiu seguir directamente para Quartos de Final, também agendados para a tarde de ontem.

Logo no início da sessão da tarde Nuno Mendes, que recentemente se sagrou campeão nacional, voltou a ser 4º classificado na repescagem e ficou relegado para a Final C, a disputar já esta manhã (sábado) no Lago Rotsee, em Lucerna.

Também na sessão da tarde e, curiosamente com um resultado idêntico, competiram Coelho e Fraga em LM2x. Com esse resultado, também o LM2x nacional marcava encontro com a Final C agendada para a manhã de hoje.

No segundo dia de competição (hoje, sábado). Nuno Coelho voltou a ser o primeiro a entrar em acção na Final C. Nessa regata competiu com dois Japoneses e dois remadores de Hong Kong terminando na segunda posição, a que equivale o 14º lugar da classificação final.

Resultados Finais LM1x

Seguiu-se então a Final C de LM2x onde Coelho e Fraga alinharam juntamente com a Alemanha, Suíça, Irlanda, Polónia e Eslovénia, tudo tripulações de bom nível a quem esta Taça do Mundo também não correu da melhor forma. Neste último embate os portugueses foram quintos classificados (a vitória sorriu à Alemanha, seguida da Irlanda, Suíça e Polónia). Um desempenho que corresponde à 17ª posição final da classe de Double Scull Ligeiro.
Depois desta etapa da Taça do Mundo seguem-se dois estágios de preparação para o Campeonato do Mundo de Remo, agendado para a primeira semana do mês de Setembro e que será o primeiro momento em que as tripulações se podem apurar para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *