David Carreira com mínimos para Jogos Paralímpicos

David Carreira, da classe S8, foi sétimo classificado na final dos 100 mariposa no Campeonato do Mundo de natação adaptada, que arrancou hoje em Glasgow.

O nadador português, que nas eliminatórias da manhã garantiu os mínimos para os Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro com o quinto melhor tempo em 1.05,96, nadou a final à tarde em 1.07,57. A prova foi ganha pelo russo Denis Tarasov com 1.01,05, seguido do francês Charles Rozoy com 1.02,63 e do mexicano Luis Andrade com 1.03,92.

David Carreira e David Grachat são até ao momento os nadadores portugueses com mínimos para os Jogos do Rio de Janeiro.

Já Nelson Lopes, da classe S4, foi oitavo na final dos 200 livres com um novo máximo pessoal de 3.55,45. Nas eliminatórias da manhã, o nadador português havia conseguido o oitavo melhor registo com 4.02,26. A prova foi ganha pelo sul coreano Giseong Jo com 2.56,23, seguido do russo Roman Zhdanov com 3.03,27 e do mexicano Gustavo Sanchez com 3.07,19.

Esta terça feira entram em ação Ivo Rocha (100 bruços), João Pina (100 costas), David Grachat (100 livres), Amadeu Cruz (400 livres) e Nelson Lopes (50 livres).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *