Taça PORterra – Jorge Duarte e Catarina Dias vencem I Duatlo do Barreiro

Jorge Duarte, do Garmin Olímpico de Oeiras, e Catarina Dias do FET – Fátima Escola de Triatlo, venceram este sábado o I Duatlo do Barreiro. A prova principal, a contar para a Taça de Portugal PORterra, realizou-se durante a manhã, já depois da prova Aberta, e ficou marcada pela muita areia e dificuldade no percurso.

 

 

Jorge Duarte do Garmin Olímpico de Oeiras venceu a prova com o tempo de 01:22:33 , Carlos Daniel Ramos do Vasconha BTT Vouzela terminou em 01:23:37 e Cláudio Paulinho concluiu em 01:23:42

“A prova correu bem, já conhecia a Mata, tinha uma certa vantagem” afirmou Jorge Duarte. o Atleta referiu que “durante a semana como fiz o reconhecimento, foi uma mais valia para obter este resultado”. O atleta do Garmin considera que estas provas servem para manter um bom ritmo competitivo.

O 2º classificado Carlos Daniel Ramos, considerou “o percurso bonito mas técnico. Beneficia realmente quem anda de bicicleta, como é o meu caso, só faço BTT” conclui. O atleta que já não corria desde as Lezírias ficou contente com o resultado obtido.

Cláudio Paulinho, fez um sprint final na chegada à meta com o 2º classificado, mas acabou por perder vantagem e classificar-se em 3º lugar. Considera que “o adversário estava mais forte, as pernas não davam mais. Quando assim é , só temos que dar os parabéns ao adversário. Trazer mais um pódio já é muito bom, apesar da areia ter feito com que a prova fosse bastante cansativa, mas é assim o BTT!” termina dizendo.

O Garmin Olímpico de Oeiras,  neste I Duatlo do Barreiro conseguiu arrecadar o triunfo por equipas masculinas, graças às prestações de Jorge Duarte (1º), Rui Narigueta (4º) e José Estrangeiro (10º). O Vasconha BTT Vouzela, foi o segundo classificado coletivo com Carlos Daniel Ramos (2º), Fernando Gouveia (5º) e André Silva (20º) . O AMICICLO GRÂNDOLA concluiu o 3º lugar com os atletas, Rui Dolores (8º), Rui Gonçalves (9º) e José Silvestre em (26º).

No sector feminino, Catarina Dias do FET – Fátima Escola de Triatlo venceu a prova em 01:49:17, seguida da atleta do AMICICLO GRÂNDOLA , Sofia Brites que terminou em 01:54:34. O 3º lugar coube a Maria do Céu Nunes, do Garmin Olímpico de Oeiras que concluiu a prova em 01:55:33.

Catarina Dias afirma que ” esta prova foi muito mais complicada que a prova de Fátima, por causa da areia e por não conhecer o percurso. Houve muitas descidas pelo meio perigosas, foi mesmo muito difícil”, desabafa a atleta. Catarina sentiu maior cansaço nas subidas com areia, “o calor não ajudou”. No entanto, a atleta sente-se preparada para as próximas provas em que vai participar.

“Já não estava habituada ao calor, senti sede durante o percurso, apesar de ter levado água” confidenciou a atleta Sofia Brites. ” Foi muito giro ter muita areia , foi mais técnico”. A atleta considera que só assim conseguiu recuperar. Sofia tem como objetivo fazer equipa com o seu clube AMICICLO GRÂNDOLA e estar bem classificada no PORterra.

Maria do Céu Nunes considera o seu principal obstáculo foi a areia solta. “Estava calor mas adaptei-me bem”. Acabei em 4º no segmento de ciclismo ,mas como a corrida é o meu forte consegui recuperar”. conclui a atleta do Garmin.

No setor feminino,  o Garmin Olímpico de Oeiras , alcançou o 1º lugar com as atletas Maria do Céu Nunes (3º), Sheila Azevedo Marques (5º) e Filomena Gomes (6º) . O clube AMA Mêda/GRUPO VALCO/ Progold ficou em 2º lugar com as prestações da Sónia Ramalho (8º), Dora Marcelino (9º) e Sónia Silvestre (11º).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *